Ser um chefe na vida

Quando você entre em uma jornada em busca de sucesso e excelência, lutando contra seus medos, preguiças e racionalizações, é bom estar preparado para ouvir e ignorar todo tipo de besteira daqueles que escolheram o caminho aparentemente fácil de ceder à preguiça e sucumbir ao medo, racionalizando tudo em um pacote bonitinho, pintando você como um babaca.

Hoje eu vou te preparar para essas acusações e te dar um pé na bunda. Um pé na bunda que frequentemente tenho que dar em mim mesmo. Quais são essas acusações? As duas principais são egoísmo e superficialidade. Vão te chamar de egoísta e superficial. Se você fizer direito.

Se você é novo nesse jogo e sua meta narrativa não for sólida, vai dar ouvidos à idiotas e começar a se questionar. Buscar sexo é superficial? A primeira coisa que você tem que se perguntar é: Quem fez a acusação? Essa pessoa é mais bem sucedida que você nessa área da vida? Ela é mais feliz que você? Se não, por que diabos está dando ouvidos?

Não ouça conselhos de quem é menos feliz que você. Quem não come ninguém e mal consegue falar oi para uma garota vai te acusar de estar tentando compensar alguma coisa, de ser egoísta, de só estar tentando gratificar o seu ego. Quem está sempre falido e tem que tolerar um chefe babaca só para chegar em casa e ainda ter que torcer para não terem cortado a luz vai dizer que dinheiro não traz felicidade. Obesos que não conseguem subir um lance de escadas sem suar como um porco vão te acusar de narcisismo por ir na academia. As pessoas tem bocas e podem falar o que quiser. Você tem ouvidos e pode escutar o que quiser. Se pergunte, essa pessoa que está me acusando de ser superficial é mais feliz que eu?

Ter muito dinheiro não é sobre comprar besteiras para ostentar no Instagram. É sobre ficar tranquilo quando fica doente porque sabe que pode pagar os melhores médicos da cidade. Não em três meses, mas amanhã. É sobre respirar tranquilamente quando chega a sua fatura do cartão de crédito. É sobre não precisar aturar um chefe abusivo só para por comida na mesa. As coisas realmente importantes que o dinheiro compra são intangíveis. Paz mental. Ausência de stress, saúde, segurança, tranquilidade, e acima de tudo liberdade para fazer o que quiser com o seu tempo precioso nessa terra. Acha que isso não vai te fazer mais feliz? Não há nada de superficial em querer ganhar muito dinheiro. Também não há nada de egoísta. Que amigo você prefere ter? Um que está sempre fudido, pedindo favores, ou um que se garante e tem dinheiro para sair com você e vir te visitar? Você vai ser mais feliz e vai fazer as outras pessoas à sua volta mais felizes se tiver dinheiro. Não tem nada de egoísta ou superficial nisso. Pelo contrário. Mostra realismo, maturidade e sede pela vida. Superficial é acusar os outros de egoístas e superficiais para não ter que assumir responsabilidade pelos seus problemas.

A mesma coisa vale para o sexo. Ser rico em termo de mulheres é sobre ficar tranquilo quando uma garota não responde suas mensagens, começa a te tratar mal, sai com outros caras ou não quer mais sair com você. Porquê você sabe que tem outras e que pode substituir ela. Não daqui um ano, mas em duas semanas ou menos. É sobre respirar tranquilamente quando um encontro não está indo bem. É sobre não ter que aturar uma namorada abusiva só para poder transar. É sobre não precisar investir seu precioso tempo nessa terra assistindo filme de garota e fazendo coisas que não quer fazer na esperança de um dia comer a sua amiga. Não há nada de superficial em querer desenvolver suas habilidades de sedução e ter várias garotas. Quem te acusa de ser superficial e egoísta é mais feliz que você? Vou adivinhar que não. Não há nada de superficial nem egoísta nisso. Pelo contrário, mostra maturidade e realismo. Superficial é não conseguir comer ninguém e ficar fantasiando com romances da Disney e acusando os outros para não ter que assumir responsabilidade pelos seus problemas. Que amigo você prefere ter? Um carente desesperado que vai tentar comer a sua namorada se achar que tiver chance porque está tão desesperado que uma trepadinha vale mais que um amigo para ele. Ou um amigo que passa o rodo e não comeria a sua namorada se ela pulasse pelada no colo dele porquê ele transa com mulheres bonitas o tempo todo e para ele um amigo vale muito mais do que isso?

Os seres humanos são fracos, covardes, medrosos e preguiçosos. As pessoas inventam desculpas para fugir dos seus problemas e racionalizam seus problemas em vez que assumir responsabilidade por eles. Mas a verdade é que ter dinheiro para mandar seu chefe tomar no cú e ficar tranquilo vai te fazer mais feliz que suar frio quando chega a fatura do cartão. E ter três gatinhas como amizades coloridas vai te fazer mais feliz que não comer ninguém ou tolerar abuso de uma namorada mediana só para poder transar. Não significa que dinheiro e mulheres sejam tudo, mas se você não consegue nem fazer isso, então ser feliz vai ser muito difícil. Se a felicidade é uma moto, mulheres e dinheiro são as duas rodas dessa moto. Não são tudo, mas sem elas nada mais funciona direito.

            As pessoas fogem dos próprios problemas e para racionalizar a própria preguiça e covardia, inventam que se importam com espiritualidade, com altruísmo ou com as baleias. Não estou dizendo que você não possa se importar com as baleias. Estou dizendo que se não tem a capacidade de se importar com a própria vida e com os problemas graves e urgentes que tem, então provavelmente também não tem a capacidade de se importar com as malditas baleias e está usando elas como desculpa para justificar seu fracasso. Tome cuidado com pessoas que não resolveram nem a própria vida e vem cuidar da sua. As pessoas só usam a carta da superioridade moral quando não tem mais nenhuma carta para jogar. Fodam-se as baleias. Vá ganhar dinheiro.

            Você tem uma escolha nessa vida. Pode assumir responsabilidade pelos seus problemas ou fugir deles. Essa é a escolha. Você pode escolher estudar algo difícil e valorizado que te leve à um bom emprego, ou pode escolher estudar letras. Pode decidir abordar 30 garotas por semana até desenvolver suas habilidades e criar abundância na sua vida, ou pode ficar implorando migalhas no Tinder e sonhando com a sua princesa. De qualquer forma você paga um preço. Escolher assumir responsabilidades e abordar as garotas é o caminho difícil. Vai envolver enfrentar sua ansiedade, seus medos, sofrer rejeição após rejeição após rejeição. Mas depois que tiver as habilidades vai desfrutar de abundância e tranquilidade para o resto da sua vida. O outro caminho, fugir do problema e racionalizar, é o mais difícil ainda. Não vai pagar o preço agora, vai pagar para o resto da sua vida o preço de uma vida sexual escassa e miserável. Em vez de ser alguém, vai ser um poderia ter sido.  Só existem esses dois caminhos na vida. O difícil e o mais difícil ainda. Ou paga o preço agora ou paga depois e com juros. Ninguém passa por essa vida sem pagar caro. Então você pode escolher.

A maioria das pessoas é idiota. Foda-se o que elas falam. Você é melhor do que elas. E se não é então se torne. E você não é melhor do que elas porquê não sente medo, ressentimento e preguiça. É melhor do que elas porquê apesar de ser igual a elas, faz escolhas melhores.

Eu não estou falando isso para te atacar. Eu nunca falaria assim com uma pessoa aleatória que conheci em um bar. Mas você não é uma pessoa aleatória. Está ouvindo esse podcast. Então eu estou falando com você como falo para mim mesmo.

Você já sabe o que tem que fazer. Então pare de fugir da verdade e assuma responsabilidade pela sua vida.

Quer ser feliz? Então não seja otário. Como o sábio uma vez disse: Foda vadias, faça dinheiro